quinta-feira, 25 de junho de 2009

Who's dead?


Responsável por uma das músicas que eu acho mais lindas da face da terra, e que sim, gostaria de me casar ao som de "So kiss me baby and tell me twice, you're the one for me...THE WAY YOU MAKE ME FEEL"; além de autor daquela tão famosa por causa de free willy e que até hoje me faz chorar "But they'd told me, a man should be faithful and walk when he's not able, and fight till the and but I am only human"... Te clássicos como "'Cause is the thriller, thriller night", gangues e afins como "You wanna be tough, better do what you can, so BEAT IT". O único que juntou artitas consagrados para cantar "We are the world, we are the future".

Ele, responsável por todas as música que me fizeram dançar. Desde os 6 anos. "Abc, is easy as 1,2,3 , I'll take for Do Re Mi, A,B,C 1,2,3 YOU AND ME .... Camon girl, I think I love you, camon now, show me what you can do. Shake it, shake it, shake it..". e de outros songs importantes que até Sandy e Junior fizeram uma versão "You and I were make as pair...Whether is love, I'll be there".

Foram tantos anos acompanhando, aprendendo, chorando e rindo. Como não dançar ao som da minha preferida "Billie Jean, is not my lover, she's just a girl, who claims that I am the one, but the kid's not my son". Toda vez que toca Michael em qualquer encontro/festa, todo reclamam...mas é só deixar rolar um pouquinho mais que as pessoas começam a se soltar. Todo, sem excessão imitam o passo do MoonWalker, coisa que só MJ sabe fazer. E quem nunca viu o clipe do filme que diz assim "Auuuu....pa para papap...Anne are you ok? Anne are ok?? ARE YOU OK ANNE? Anne are you ok, won't you tell us, that you're ok..."?

Ou mesmo Macaulin Calking dublando um rapper and Black or White "protection, for gangs club and nations.." ou nunca se sentiu no alto da estátua da Liberdade cantando "I'm thinking about my baby and don't matter if you are black or white"..Uhuuuu..

Eu não minto, sou fã. Tanto que tenho uma legião de discos e vídeos, e sei que sua melhor apresentação foi no MTV Music Awards de 1995, um ano depois de vir ao Brasil, Michael and Dangerous. Eu sei cantar quase todas as músicas, e vibro toda vez que ouço "Michael, Michael, Eles não ligam pra gente.." Porque sei que vai aparecer o ex-negro, branco feito cera, cantando em meio às nossas favelas. 

Em sua infância foi abusado sexualmente pelo produtor e apanhava do pai com uma brutalidade sem tamanho. Nunca teve a oportunidade de brincar. Quando adulto, tornou-se um ídolo pop, com mais de 100.000.000 de cópias vendidas. Ao mesmo tempo que crescia seu talento e sucesso crescia sua loucura. Tornou-se obcecado por beleza e achou no Vitiligo uma desculpa perfeita para mudar de cor e de "adequar". O mais irônico é que mesmo depois de branco suas músicas ficaram cada vez mais engajadas em relações contra o racismo. Em todos seus clipes ainda fazia par romântico com atrizes negras. 

Arrumou e rearrumou o nariz muitas vezes, até quaso perdê-lo. Colocou furinho no queixo, alisou o cabelo, virou um monstro. Abusou de sua loucura ao pendurar o próprio filho na janela, se escondeu de tudo e de todos, se afundou em dívidas e foi acusado de abuso sexual em crianças, pedofilia. Eu nunca acreditei nessa última parte, por isso não me surpreendi quando foi inocentado. 

Nunca nenhum artista fez tanto pela desigualdade do que MJ. Nunca um artista foi tão amado e odiado, admirado e esculachado. E é por isso que hoje, quando soube da morte do meu artista preferido, do meu ídolo, eu tive um choque. Quis chorar, mas não fiz. Quis cantar mas não cantei. Apenas fiquei assistindo Globo News das 6 e 30 da tarde até 10 da noite. Até receber a confirmação de sua morte pela CNN. Ainda não acredito que ele se foi, ainda não consigo pensar que não vou conhecer cara a cara o maior ídolo pop do universo.

E ele não precisa se preocupar tanto, sua canção love "You are not alone, I'll be here with you" cabe muito bem à situação.. Michael Jackson, meu sonho de consumo quando era negro, meu ídolo quando ficou branco. Fez clipes nunca vistos, abusou de tecnologia e de sua popularidade. Cantou com Paul, dançou com Michael Jordan....

Agora eu me pergunto "Who's bad?". You are Michael..

And you will always be in my heart...

 

4 comentários:

Amanda Proetti disse...

Me junto a ti, você sabe. Perda irreparável!

Derla Cardoso disse...

ta junto com o Elvis!

Braz disse...

... e eu complemento o da Derla.

Tá junto com o Elvis, a Janis, o Jimmi, o Jim, o Cash, o Bob, e porque não com o Leandro, João Paulo, Renato Russo, Cazuza e assim vai.

O Céu tem mais músicos bons do que a Terra! E lá se vai o melhor dançarino pop do mundo.

Anônimo disse...

esse cantorzinho é uns iconis do pops muzique. nasceu preto, ficou branco e virou cinzas.